Nenhum comentário

Vale da Utopia / Praia da Pinheira. Abandonando o conforto da cidade para passar uns dias na mata isolada.

Vale da Utopia. Foi na busca de encontrar um lugar para passar o carnaval de 2017 onde o único barulho fosse o dos pássaros, e o único agito fosse o das ondas do mar.

E que acabei conhecendo um dos lugares mais paradisíacos do litoral catarinense, localizado na Praia da Pinheira


Vale da Utopia, localizado entre duas praias: Praia do Maço e Prainha (Praia da Pinheira), em Palhoça.

Feito de areia, mar, montanha e histórias, alguns dizem que o nome foi dado por uma pessoa que viveu no Vale em uma caverna por 26 anos (e ainda existem pessoas que habitam cavernas de lá) há também outras lendas sobre o surgimento do nome.

Do olhar místico, o lugar é conhecido por ser um forte ponto energético com os cosmos, a energia é realmente surreal, renovadora, sem contar os cenários belíssimos, junção de diversas paisagens, que faz do Vale da Utopia um lugar com uma beleza e energia peculiar.
O acesso ao Vale é somente através de trilhas que pode ser iniciada pela Guarda do Embaú, onde a duração em média é de uma hora e meia ou pela trilha que começa na Praia de Cima, dura cerca de vinte minutos. Já durante as trilhas podemos contemplar um misto de paisagens exuberantemente belas.
O Vale da Utopia é desprovido de infraestrutura, é um lugar para quem realmente gosta de acampar e ter uma conexão profunda com a natureza, se desligar do mundo. Eu particularmente acho essencial, e foi durante pensamentos e devaneios que tive nos dias que passei no Vale que consegui responder para mim mesma:

Porque sinto a necessidade de algumas vezes largar o conforto da cidade e passar uns dias isolada na mata.

A inspiração desses pensamentos, se transformou em uma resposta, que logo se tornou um relato:

“Acordava antes do sol com energia, só pra ver ele surgir no mar, e logo em seguida preparar a fogueira pra fazer um cafézinho: minha dose de energia pra descer o vale e tomar aquele banho de mar. A tarde se passava prozeando com os amigos no gramado, amigos que fiz ali mesmo, compartilhando as histórias loucas de outras viagens, (é bom encontrar gente com as mesmas loucuras que a gente né?). Vocês já viram “chuva de estrelas cadentes”? É mágico! Foi um monta e desmonta acampamento, mas cada vez que abria a barraca era um cenário diferente que compensava qualquer esforço.


Vale da Utopia
Vale da Utopia

Ser feliz é simples.
Depois de um certo tempo a conexão com a natureza é tanta que a gente se camufla, vira uma coisa só e acaba não sentindo tanta falta dos confortos mais simples do cotiano. Mas a melhor parte é voltar renovada, quem vive essa conexão sabe o quanto essa magia é real, a gente olha o mundo de outra forma, vive a vida de outra forma, e essa outra forma tem beleza, tem amor e gente que transborda. Tão bom voltar agradecendo as coisas simples, e as mais simples ainda, como um fogão pra cozinhar, energia elétrica e água doce pra beber a vontade rs.
A gente volta com a roupa da alma trocada.
Volta renovada
Volta contando as horas pra voltar de novo!
Ser feliz é simples né?”

Essa é mais uma página da minha coleção de aventuras na estrada. Porque o Vale da Utopia é um lugar que realmente VALE a pena, é um daqueles lugares que a gente mal vai e já quer voltar, ou quando volta, é um pedacinho da gente que fica lá.


Vale da Utopia
Vale da Utopia

MATÉRIA DO SITE: 30depassagem.wordpress.com

Comentários (0)